Pequeno Expediente debate conclusão da Praça Isabel Ferreira e piso salarial da Odontologia

09/06/2022 - Anna Regadas

Adiamento da inauguração do Estádio Valdir Bezerra, retorno do Brasil ao mapa da fome e o aumento de casos de chikungunya foram outros destaques de hoje.

Pequeno Expediente - Érika Fonseca

Ronivaldo Maia (PT)

Ronivaldo - Érika Fonseca

O vereador Ronivaldo Maia (PT) usou o tempo na tribuna para lamentar o retrocesso no mapa da fome do Brasil: “milhões de brasileiros que tinham saído do mapa da fome voltaram agora. O quanto não é desalentador para um pai ou mãe de família acordar e não ter como alimentar seus filhos. 33 milhões de brasileiros acordam hoje sem a segurança de ter ao menos uma refeição no dia”.

Além disso, o parlamentar citou a presença dos servidores do município na Casa para tratar do Plano de Cargos, Carreiras e Salários. Uma comissão de vereadores foi formada para acolher as demandas das categorias. Fizeram parte Didi Mangueira (PDT), Ronivaldo Maia (PT), Didi Maravilha (PMB), Carlos Mesquita (PDT), Gardel Rolim (PDT), Guilherme Sampaio (PT) e Wander Alencar (Rede).

Carlos Mesquita (PDT)

Carlos Mesquita - Érika Fonseca

Destacou o adiamento da inauguração do Estádio Valdir Bezerra, na Lagoa Redonda, que aconteceria hoje, às 16h. “Esse estádio é da comunidade, apenas viabilizei que fosse reformado e tivesse em melhor condições para quem ali trabalha e frequenta”.

O parlamentar também refletiu sobre o cenário político diante das eleições que se aproximam. “O político também é gente, ser humano, que ri, chora, tem seus valores, mas o que tenho observado são pessoas jogarem fora os seus valores e passar por cima de tudo, de amizade, da decência pois o interesse é conquistar, ter a cadeira, o título. Então finalizo dizendo para terem calma. Façam seu trabalho, que as pessoas vão ver”, afirmou.

Danilo Lopes (Avante)

Danilo Lopes - Érika Fonseca

Apontou a defasagem do piso salarial da Odontologia e o congelamento dos salários da categoria. De acordo com o parlamentar, o salário base de um cirurgião dentista para trabalhar 40 horas de Cariús é de R$ 1862 e de Campos Sales é R$ 1760. “Os salários estão congelados há mais de 7 anos. O piso da odontologia dá vergonha”, criticou.

Danilo destacou que as empresas privadas que trabalham com saúde estão aumentando seus lucros, mas isso não reflete no salário dos seus funcionários. “As empresas do Ceará estão é diminuindo o valor de consultas que já é um valor baixo e daqui a pouco não terá médico que queira atender a plano de saúde”, apontou.

Sargento Reginauro (União Brasil)

Sargento Reginauro - Érika Fonseca

Trouxe para debate a falta de medicamentos na rede básica de saúde do município e destacou que em visita realiza ao posto de saúde do bairro Antônio Bezerra ouviu pessoas que falaram sobre a falta de médicos na unidade de saúde.

O vereador ainda chamou atenção para o aumento de casos de chikungunya no Estado do Ceará, onde segundo ele, com maior concentração de casos na Capital. “Essa pandemia de chikungunya é justamente sobre a falta de cuidado com o saneamento dessa cidade”, disse.

Daniel Borges (avante)

Danilo Lopes - Érika Fonseca

Repercutiu uma invasão ocorrida, na noite de ontem, em uma escola pública na cidade de Forquilha, onde atacaram o profissional de segurança que trabalha no local. Elencou ainda dificuldade encontrada por esse profissionais para cuidar do patrimônio educacional, servidores e alunos em todo Estado.

O vereador ainda lamentou o índice de violência nas dependências das escolas. “O Governo não tem uma política voltada contra o crime organizado. Pedimos que o Estado dê uma resposta a altura, pois não tem como mais as facções mandarem no estado do Ceará e em nossa Capital”, disse.

Wander Alencar (Rede)

Wander Alencar- Foto: Érika Fonseca

O parlamentar fez uso do pequeno expediente para pedir celeridade na conclusão da Praça Isabel Ferreira, do Conjunto Curió. Segundo ele, a competência é do Governo do Estado: “o meu pedido é para que a nossa governadora Izolda Cela veja isso com bons olhos e mande concluir a obra que já existe há mais de 4 anos”, finalizou.

Foto: Érika Fonseca