Pacientes do Hospital São José com Covid-19 poderão ser tratados com antirretroviral

16/10/2020 - Ana Clara Cabral

Pesquisa do Hospital São José (HSJ) sobre tratamento de Covid-19 com medicação contra HIV/Aids avança e inicia recrutamento de pacientes com sintomas leves

hospital São José - Foto: Mateus Dantas

A pesquisa do Hospital São José sobre medicação contra HIV/Aids para tratar Covid-19 avançou esta semana para a fase de recrutamento de pacientes com coronavírus em atendimento no HSJ. O estudo vem apresentando resultados positivos e já foi aprovado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep).

Esta fase é realizada em parceria com o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), a Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Universidade de São Paulo em Ribeirão Preto (USP). A expectativa inicial é de acompanhar cerca de 240 pacientes do HSJ positivos para Covid-19 e com sintomas leves e moderados.

O estudo, conforme divulgou a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), envolve dois antirretrovirais que têm efeito aditivo não só contra o vírus do HIV, como também contra o Sars-Cov-2, mais conhecido como novo coronavírus.

Durante o enfrentamento à pandemia, unidades da Saúde e cientistas vêm unindo esforços para dar respostas à população. A vasta experiência do Hospital São José, principalmente com antirretrovirais, e o corpo de profissionais abriram caminhos para o desenvolvimento da pesquisa. O Ministério da Saúde já enviou a medicação necessária.

Para finalizar, cientistas responsáveis pelo estudo reforçam que apenas a vacina não será a solução da Covid-19. Por isso a necessidade de um fármaco que controle de forma mais eficiente o novo coronavírus, o que tem sido a motivação da pesquisa.

Fonte: Secretaria da Saúde do Ceará

Foto: Mateus Dantas