Legislativo garante contratação de profissionais para o enfrentamento ao Covid-19

15/04/2020 - Cleonardo Dias

A matéria visa a prorrogação dos contratos de pessoal temporário e a prorrogação da vigência das respectivas seleções, visando assegurar a continuidade dos serviços prestados.

Campanha de vacinação contra gripe na escola municipal Maria de Lurdes Ribeiro Jereissati- Bairro Tancredo neves

A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou nesta quarta-feira, 15, durante sessão extraordinária virtual, o Projeto de Lei Complementar nº 21/2020, que versa sobre a contratação por tempo determinado de profissionais da área da saúde para atender a necessidade temporária de interesse público na administração direta e indireta em meio à pandemia do COVID-19.

Depois de um amplo debate, a mensagem apreciada em regime de urgência foi aprovada com 31 votos favoráveis e 2 abstenções. A matéria tem o objetivo de prorrogar os contratos de pessoal temporário, bem como a vigência das respectivas seleções, visando assegurar a continuidade dos serviços prestados ou viabilizar de forma célere as novas contratações demandadas para enfrentar situação emergencial.

No projeto, o prefeito Roberto Cláudio enfatiza que tal medida viabiliza uma ação imediata no combate ao coronavírus na Capital, proporcionando o aproveitamento de profissionais já capacitados e com contratos ativos, bem como agilidade de novas contratações.

O vereador Dr. Eron Moreira (PP) destacou os trabalhos do Legislativo Municipal na luta contra o coronavírus e enalteceu o trabalho desenvolvido por todos os profissionais da saúde que estão na linha de frente contra à pandemia do COVID-19. “Esse é um momento histórico onde devemos esquecer as divergências políticas”, pontuou.

Paulo Martins (PRTB) também parabenizou o trabalho da Câmara neste dia de atividades legislativas para aprovação de matérias relevantes. O parlamentar ainda ressaltou a importância da mensagem prefeitural que garantiu a continuidade dos profissionais da saúde que estão com seus contratos se encerrando e que vêm lutando na linha de frente no combate ao coronavírus.

Já o vereador Sargento Reginauro (Pros) elencou que a Prefeitura de Fortaleza poderia ter convocado os candidatos que estão no cadastro de reserva dos últimos concursos na área da saúde que segundo ele poderiam contribuir na luta contra à pandemia.

Foto: Érika Fonseca