Tramita na Câmara Municipal de Fortaleza o projeto de lei ordinária 273/2019, de iniciativa do vereador Márcio Cruz (PSD), que permite o livre acesso por parte de profissionais de Educação Física nas dependências de academias de musculação e ginástica, ou estabelecimentos do gênero, a fim de atuarem como personal trainers. A matéria está guardando designação de relator.

De acordo com o vereador Márcio, a proposta visa fomentar a contratação e facilitar o acesso ao serviço especializado ofertado pelos personal trainers. “O personal trainer não tem um local fixo de trabalho, de modo que a maioria atua de forma autônoma. Essa rotatividade dificulta para o profissional o pagamento de taxas para atuar nas academias da cidade”, apontou.

A iniciativa permite, dessa forma, o livre acesso sem qualquer custo para profissionais de Educação Física, personal trainers nas academias de musculação, ginástica ou estabelecimentos do gênero, desde que os alunos contrantes do serviço personalizado estejam devidamente matriculados.

O projeto também proíbe qualquer tipo de cobrança adicional do aluno matriculado no estabelecimento, devido a contratação de personal trainer. O acesso do profissional nas academias fica condicionado a apresentação de identidade profissional devidamente emitida pelo conselho de classe.

Foto: Érika Fonseca