O vereador Jorge Pinheiro (DC) utilizou seu tempo no Grande Expediente desta quinta-feira, 14, para destacar o projeto de indicação n° 465/2018, de sua autoria, que estabelece a tolerância de uma hora para a desistência do uso do sistema de estacionamento rotativo Zona Azul sem cobrança de taxas.

Jorge defendeu sua iniciativa, justificando que a finalidade do Zona Azul é racionalizar e universalizar as vias públicas, promovendo a rotatividade no uso das vagas de estacionamento. O parlamentar afirmou que já conversou com o superintendente da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), Arcelino Lima, apresentando principalmente, a real possibilidade da tolerância diante do atual sistema virtual utilizado pela Autarquia, que assegura aferir o tempo que o motorista entra e sai da vaga.

Diante dos apartes dos vereadores Guilherme Sampaio (PT), Márcio Martins (PROS) e Sargento Reginauro (sem partido), que relataram ter projetos tramitando na Casa sobre o tema, Jorge sugeriu que todos se unissem para realizar uma audiência pública. O parlamentar ressaltou a importância de “somar esforços” para melhorar o serviço de Zona Azul na cidade.

Conheça outros projetos que tratam do sistema de estacionamento rotativo Zona Azul:

PLO 68/2019 – Projeto de Lei Ordinária https://sapl.fortaleza.ce.leg.br/media/sapl/public/materialegislativa/2019/47479/in00452019.pdf

PLO 63/2019 – Projeto de Lei Ordinária https://sapl.fortaleza.ce.leg.br/media/sapl/public/materialegislativa/2019/47514/pl00632019.pdf

PLO 36/2019 – Projeto de Lei Ordinária https://sapl.fortaleza.ce.leg.br/media/sapl/public/materialegislativa/2019/47029/pl00362019.pdf

IND 375/2018 – Indicação https://sapl.fortaleza.ce.leg.br/media/sapl/public/materialegislativa/2018/44505/in03752018.pdf

Foto: Érika Fonseca