Pelo tempo do Grande Expediente, na sessão ordinária desta quinta-feira, 22, o vereador Antônio Henrique (PDT) destacou que Fortaleza é a quarta maior rede municipal do Brasil na área de educação, ficando atrás apenas de São Paulo, Rio de Janeiro e Manaus. O parlamentar ressaltou que, mesmo num período de crise e diminuição dos repasses federais, a gestão do prefeito Roberto Cláudio (PDT) conseguiu avanços na educação do município.

De acordo com Antônio Henrique, somente na área de educação infantil o crescimento foi de 81,88%. “Hoje temos 251 equipamentos de Educação Infantil e na gestão de 2013 a 2018 foram 113 novos equipamentos construídos, o que corresponde a um crescimento de 81,88%. A gestão do prefeito está oferecendo o que há de melhor para a população mais carente de nossa cidade e pude acompanhar a obra do Centro de Educação Infantil no parque Presidente Vargas, inaugurado em outubro agora.”, destacou.

O vereador apontou o compromisso da gestão com a educação. “Hoje na rede municipal de educação são mais de 9 mil docentes e 1389 servidores do núcleo gestor. A prefeitura ainda oferta transporte escolar para 10308 alunos e oferece diariamente alimentação para os alunos. Antes de 2013 não tinha nenhuma Escola em Tempo Integral, e hoje são 23 Escolas em Tempo Integral.”, frisou.

Segundo o parlamentar, os investimentos da gestão na área também mostram o compromisso do prefeito. “Sabemos que o custo de um aluno da educação infantil é R$ 10.600. A prefeitura, no entanto, recebeu do governo federal o valor de R$ 2906 por criança que estuda em tempo parcial e de R$ 3804 por criança que estuda em tempo integral. Fazendo as contas sabemos o quanto a gestão colocou de investimento e isso tudo diante de um cenário de crise no país. Então conquistar resultados tão grandes merece nosso reconhecimento.”, apontou.

Antônio Henrique também destacou os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). “Em 2013 a meta era de 4.3 e Fortaleza alcançou a meta de 4.6. Em 2015 alcançou a meta 5.4. Já em 2017, a cidade alcançou a meta 6.0, superando a meta que era pra ser alcançada somente em 2021.”, elencou.

O parlamentar ainda apresentou requerimento solicitando a vinda da secretária de educação do município, Dalila Saldanha. “Nos vamos apresentar requerimento para que a secretária possa vir aqui com esses números mais detalhados e possamos debater o assunto com mais profundidade.”, frisou.

Foto: Érika Fonseca